Opúsculo de um Vencido

terça-feira, 26 de abril de 2011

Desapego

Se tu, um dia, Nise, te enfadares
De todo o ardor de meus carinhos,
E quereres seguir outros caminhos,
Não incriminarei os meus azares...

É mister que aspires novos ares,
Amor não vivi só de velhos ninhos!...
Carece se ferir em outros espinhos
E o seu culto erigir noutros altares...

Assim, de mim, de ti, eu te liberto,
Tu podes ser feliz quando quiseres!
Há muito desse fim já estava certo....

Não sei se amarei outras mulheres,
Mas ouças a verdade que te oferto:
- Me fartarei do pouco que me deres...

26/04/11.

Nenhum comentário:

Postar um comentário