Opúsculo de um Vencido

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Filosofia Barata

A vida é uma ampulheta do desejo,
E seus suaves grãos caem conforme
O grau que se deseja: - Se enorme,
Tu alcançarás o louro mais sobejo!

Mas se acaso, o medo por ensejo
De tua atroz fraqueza já disforme,
Romper-te essa bravura uniforme,
Apegue-se na fé que hoje cortejo:

Gozes à exaustão, faças teu mundo!
Tenhas por profissão, ser vagabundo,
Dinheiro emprestado, só o do irmão!

Case com uma idosa endinheirada,
Saudades – sempre as deixe pela estrada,
Substitua o Amém por um Perdão...

( Queiroz Filho )

Nenhum comentário:

Postar um comentário