Opúsculo de um Vencido

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Anúncio!

Procura-se uma alma entrevada
De apenas quatro séculos de vida,
Por um nefasto ente, desprezada,
E por seus próprios sonhos, iludida!

Foi vista numa noite ensolarada
Furtando oito réis duma mendiga,
Bem próxima ao beco da almofada,
Regendo dos defuntos, a cantiga...

Com olhos cor de vinho estragado
E uns cílios de Cocote reencarnada;
O seio esquerdo de anjo maculado

E o oposto de Esfinge assexuada;
Devolução não quero, mas cuidado!
Acha que Bonaparte é carne assada!...

( Laura Alves Coimbra )

Nenhum comentário:

Postar um comentário